All this feels strange and untrue.

Estavas cada vez mais bonita à medida que o tempo passava. As tuas formas tinham mudado e a forma do teu sorriso estava ainda mais brilhante do que os dias em que brincávamos ao sol, a fingir vidas. Enquanto lias as palavras que o livro de capa castanha e com letras douradas te sussurrava aos ouvidos eu olhava de longe para a plenitude do teu ser. Tinha saudades do teu cheiro e dos nossos risos. Sorri sem tu veres e dirigi-me para longe da tua vida outra vez. Longe não o suficiente para ainda te ouvir dizer:

 

-"Não vás."

 

tags:
publicado por Rita às 20:51 | link do post | comentar