A vida é irónica e brinca connosco, sem ponta de vergonha. É deveras engraçado, o valor das coisas.

publicado por Rita às 23:29 | link do post